FENZ BRAZIL X CHANGE ACADEMIA | SAVE OUR OCEANS

De todos os problemas sérios que ameaçam a vida nos oceanos, o plástico está entre os mais difundidos, visíveis e implacáveis.

A Fenz Brazil faz parceria com a Change Academia para uma campanha de conscientização sobre o consumo das garrafas plásticas nas rotinas de treinos.


Você provavelmente já ouviu todas as estatísticas familiares até agora - 8 milhões de toneladas de poluição marinha por plástico a cada ano, um caminhão de lixo a cada minuto, mais plástico que peixes até 2050 - mas tome um segundo para fazer uma pausa e realmente imaginar a realidade plástica em que vivemos. Bilhões de itens de plástico são criados e usados ​​brevemente todos os dias.

Menos de 10% de todo o plástico é reciclado, portanto a maioria persiste em nosso planeta. Muito disso acaba em aterros destinados a permanecer por centenas ou até milhares de anos - mas uma quantidade massiva escapa de nossos sistemas de resíduos, permeia o solo, flui continuamente para dentro de vias navegáveis ​​e acaba nos oceanos.

Quando um pedaço de plástico toca a superfície de um córrego, rio, lago ou oceano, fica muito difícil recuperar. Com o tempo, o plástico se acumula nos ecossistemas costeiros, reveste o fundo do mar, estrangula e mata a vida marinha e, mais insidiosamente, se divide em fragmentos cada vez menores, tornando-se praticamente impossível de limpar. Esses micro-plásticos, e outros lançados pela fabricação, pneus e têxteis para veículos, foram encontrados desde os picos dos Pirineus até o gelo do Ártico no mar, até o  mais profundo ponto do Oceano Pacífico.

O plástico está literalmente em toda parte - está no ar que respiramos, nos alimentos que ingerimos e na água que bebemos. Os cientistas até o encontraram dentro de nossos corpos. Mais alucinante? A extração de combustíveis fósseis e a produção de plásticos devem aumentar drasticamente nas próximas décadas.



Não é apenas a vida marinha em risco. Um estudo de 2018 testou 259 águas engarrafadas de 11 marcas líderes em todo o mundo. Seis garrafas amostradas eram de vidro, as demais foram embaladas em plástico. Todas as garrafas tinham tampas plásticas. A contaminação por detritos plásticos foi generalizada, com 93% das garrafas amostradas contendo partículas micro plásticas e uma média global de 325 partículas por litro de água engarrafada. Uma garrafa mostrou um excesso de 10.000 partículas micro plásticas por litro. 


O suficiente para você nunca mais querer beber de uma garrafa de plástico.

Vamos juntos mudar essa realidade?

#SaveOurOceans

83 visualizações
REVENDA
  • Facebook | Fenz Brazil
  • Instagram | Fenz Brazil
FALE CONOSCO
FAÇA PARTE

Junte-se à nossa lista de endereços e fique por dentro das novidades.

© 2020 Fenz Brazil. Todos os direitos reservados. CNPJ 10.693.780/0001-56